Coleção L&PM Pocket


CEM SONETOS DE AMOR

CIEN SONETOS DE AMOR

Pablo Neruda

Tradução de Carlos Nejar

"Com muita humildade, fiz estes sonetos de madeira, dei-lhes o som desta opaca e pura substância (...)"

(Pablo Neruda in Cem Sonetos de Amor)

O poeta chileno Pablo Neruda (1904-1973) foi, sem dúvida, uma das vozes mais altas da poesia mundial do nosso século. Ao mesmo tempo, o poeta engajado nas causas da liberdade, o exilado, o resistente, é protagonista de uma das aventuras mais expressivas da lírica em língua espanhola. Seus poemas de amor – e estes Cem Sonetos de Amor são um dos legados mais perfeitos – emocionaram e emocionam várias gerações. Poeta admirado internacionalmente (é personagem do filme O Carteiro e o Poeta), recebeu a consagração definitiva com o Prêmio Nobel de Literatura em 1971.

Ler mais

Informações Gerais

  • Título:

    CEM SONETOS DE AMOR

  • Título Original:
    CIEN SONETOS DE AMOR
  • Catálogo:
    Coleção L&PM Pocket
  • Gênero:
    Poesia
    Literatura moderna internacional Poesia
  • Série:
    Pablo Neruda
  • Referência:
    19
  • Cód.Barras:
    9788525406385
  • ISBN:
    978.85.254.0638-5
  • Páginas:
    128
  • Edição:
    abril de 1997

Vida & Obra

Pablo Neruda

Ricardo Neftalí Reyes Basoalto nasceu na cidade chilena de Parral, em 12 de julho de 1904. Sua mãe era professora e morreu logo após o nascimento do filho. Seu pai, que era funcionário de ferrovia, mudou-se, alguns anos mais tarde, para a cidade de Temuco onde se casou novamente com Trinidad Candia Malverde. Ricardo passou a infân­cia perto de florestas, em meio à natureza virgem, o que marcaria para sempre seu imaginário, refletindo-se na sua obra literária.

Em Temuco,...

Ler mais

Opinião do Leitor

Seja o primeiro a opinar sobre este livro

Você também pode gostar


(Pablo Neruda in Cem Sonetos de Amor)

O poeta chileno Pablo Neruda (1904-1973) foi, sem dúvida, uma das vozes mais altas da poesia mundial do nosso século. Ao mesmo tempo, o poeta engajado nas causas da liberdade, o exilado, o resistente, é protagonista de uma das aventuras mais expressivas da lírica em língua espanhola. Seus poemas de amor – e estes Cem Sonetos de Amor são um dos legados mais perfeitos – emocionaram e emocionam várias gerações. Poeta admirado internacionalmente (é personagem do filme O Carteiro e o Poeta), recebeu a consagração definitiva com o Prêmio Nobel de Literatura em 1971.

" />