Coleção L&PM E-books


NINHO DE FIDALGOS

DVORIANSKOIE GNIEZDÓ

Ivan Turguêniev

Tradução de Denise Sales

Será possível a felicidade, afinal?

Traduzido direto do russo 

O fidalgo Fiódor Ivánovitch Lavriétski, após uma temporada vivendo em Paris com sua mulher e depois de descobrir que esta o traía, volta à Rússia e à propriedade da família. Lá, em meio ao melancólico cenário da terra natal, das paisagens dos arredores de Moscou, ele busca se reerguer e conhece a jovem e encantadora Liza – uma das grandes personagens da literatura russa.

Publicado em 1859, este é o segundo romance de Ivan Turguêniev (1818-1883), um dos mais importantes nomes da literatura russa e divulgador desta no Ocidente. Neste romance autobiográfico, rico em detalhes e em belíssimas descrições da terra-mãe, já adaptado para o cinema, Turguêniev problematiza os dramas da classe alta russa e os dilemas da sua geração. Mas, mais do que tudo, reflete, numa prosa límpida e cristalina, sobre a natureza fugidia da felicidade humana.

Ler mais

Informações Gerais

  • Título:

    NINHO DE FIDALGOS

  • Título Original:
    DVORIANSKOIE GNIEZDÓ
  • Catálogo:
    Coleção L&PM E-books
  • Gênero:
    Romance
    Amor Literatura estrangeira Ficção estrangeira
  • eISBN:
    978.65.566.6073-8
  • Formato:
    ePub
  • Edição:
    junho de 2020

Vida & Obra

Ivan Turguêniev

Ivan Sergueievitch Turguêniev nasceu em 9 de novembro de 1818 em Orel, uma província da Rússia, numa família de proprietários rurais abastados. Seu pai morreu quando ele tinha 16 anos, deixando ele e o irmão à mercê da mãe autoritária. Após concluir a escola, Turguêniev estudou durante um ano na Universidade de Moscou e, posteriormente, na de São Petersburgo, especializando-se em literatura russa e filologia. Aos 19 anos publicou sua primeira coletânea de poemas.

Ler mais

Opinião do Leitor

Seja o primeiro a opinar sobre este livro

Você também pode gostar


Será possível a felicidade, afinal?

Traduzido direto do russo 

O fidalgo Fiódor Ivánovitch Lavriétski, após uma temporada vivendo em Paris com sua mulher e depois de descobrir que esta o traía, volta à Rússia e à propriedade da família. Lá, em meio ao melancólico cenário da terra natal, das paisagens dos arredores de Moscou, ele busca se reerguer e conhece a jovem e encantadora Liza – uma das grandes personagens da literatura russa.

Publicado em 1859, este é o segundo romance de Ivan Turguêniev (1818-1883), um dos mais importantes nomes da literatura russa e divulgador desta no Ocidente. Neste romance autobiográfico, rico em detalhes e em belíssimas descrições da terra-mãe, já adaptado para o cinema, Turguêniev problematiza os dramas da classe alta russa e os dilemas da sua geração. Mas, mais do que tudo, reflete, numa prosa límpida e cristalina, sobre a natureza fugidia da felicidade humana.

" />