em 


Opções Avançadas

Outros Formatos

 

Outros Livros da Série
Neoleitores



NEOLEITORES – A ESCRAVA ISAURA

Bernardo Guimarães

Outros Formatos
64 páginas
ISBN 978.85.254.1286-7

R$14,00



NEOLEITORES – DOM QUIXOTE

Miguel de Cervantes

Outros Formatos
96 páginas
ISBN 978.85.254.1780-0

R$14,00



NEOLEITORES - FRANKENSTEIN

Mary Shelley
Tradução e adaptação para neoleitores de Claudia Buchweitz
Ilustrações de Gilmar Fraga

Outros Formatos
Formato 14x21
96 páginas
ISBN 978.85.254.2358-0

R$14,00



NEOLEITORES – GARIBALDI E MANOELA: UMA HISTÓRIA DE AMOR

Josué Guimarães

Outros Formatos
Formato 14x21
52 páginas
ISBN 978.85.254.1270-6

R$14,00



NEOLEITORES - HAMLET

William Shakespeare
Adaptação para neoleitores a partir do original em inglês: Paulo Seben

Outros Formatos
Formato 14x21
64 páginas
ISBN 978.85.254.2357-3

R$14,00

Veja Mais

NEOLEITORES – O CORTIÇO

Aluísio Azevedo

Mais de cem anos atrás, o português João Romão, com muito esforço, conseguiu juntar algum dinheiro e construiu um cortiço, um conjunto de casas simples, para alugar. Lá vão morar lavadeiras, trabalhadores braçais e operários. Ao lado do cortiço, vive um comerciante rico chamado Miranda. As brigas entre os dois ficam freqüentes. João Romão, cada vez mais rico, quer virar um homem da alta sociedade, como Miranda. Para isso, pretende livrar-se de sua amante, Bertoleza, uma negra muito trabalhadora, e casar com a filha do vizinho.
Neste grande romance, Aluísio Azevedo (1857-1913) descreve o comportamento das pessoas e a influência do meio sobre elas, mostrando como funciona a sociedade brasileira.

Preço R$14,00

Informações Gerais

Título:

NEOLEITORES – O CORTIÇO

Catálogo:

Outros Formatos

Gênero:

Romance

Série:

Neoleitores

Cód.Barras:

9788525416124

ISBN-13:

978.85.254.1612-4

Páginas:

56

Peso:

80 g

Vida & Obra

Aluísio Azevedo

Aluísio Azevedo nasceu em São Luís do Maranhão, em 1857. Contrariando a vontade paterna, que era vê-lo comerciante, viaja, aos 17 anos, para o Rio de Janeiro e começa a estudar pintura na Academia Imperial de Belas Artes. Logo passa a colaborar, com caricaturas e poesias, em jornais e revistas. Com a morte do pai em 1878, é obrigado a retornar a São Luís, onde, em 1880, lança o romance Uma Lágrima de Mulher, exageradamente sentimental, em estilo romântico. Fortemen...

Vídeos Relacionados

Opinião do Leitor

Seja o primeiro a opinar sobre este livro

* O número de páginas dos livros da Coleção L&PM e-books é uma referência baseado no número de páginas dos livros impressos

voltar ir para o topo   imprimir página
 

Home    Quem Somos    Notícias    Mapa do Site    Fale Conosco    Podcast L&PM

Rua Comendador Coruja, 314 - Fone: (51) 3225.5777 - Fax: (51) 3221.5380 - Porto Alegre/RS - CEP 90220-180
Alameda Santos, 1470, cj 310 - Cerqueira César - Fone: (11) 3578.6606 - São Paulo/SP - CEP 01418-903

© 2003-2019 Publibook Livros e Papeis Ltda. - CNPJ 87.932.463/0001-70 - Powered by CIS Manager   Desenvolvido por Construtiva