Outros Formatos


MATEM E DEVOREM!

MANGEZ-LE SI VOUS VOULEZ

Jean Teulé

Tradução de Ivone C. Benedetti

R$34,90

Matem e devorem! é um livro impressionante.

Jean Teulé resgata um episódio tenebroso da história da França e, passo a passo, reconstitui uma tragédia ocorrida em 16 de agosto de 1870, cuja repugnante bestialidade compromete – como exemplo – a humanidade como um todo. Leia e veja, neste livro admirável, como em questão de minutos homens podem se transformar em animais...

O horror

Ninguém está imune a cometer atos abomináveis.

Somos todos capazes do pior.

Numa terça-feira, 16 de agosto de 1870, Alain de Monéys, jovem inteligente e amável que vivia na região do Périgord, sai da casa dos pais para ir à feira de Hautefaye, na aldeia vizinha. Chega ao destino às catorze horas. Duas horas depois, começa a tragédia.

Jean Teulé reconstituiu com assustadora precisão um dos episódios mais vergonhosos da história da França.

Os Editores


Jean Teulé nasceu em Saint-Lô, na França, em 1953. É autor de catorze romances, inúmeros álbuns de HQs, além de ter trabalhado na indústria cinematográfica e na televisão. Entre seus livros se destacam os biográficos Rainbow pour Rimbaud (1991), Ô Verlaine! (2004) e Je, François Villon (2006, Prix du Récit Biographique), o romance de humor negro A loja dos  suicidas (Ediouro, 2010, adaptado para o cinema), Le Montespan (2008, Prix Maison de la Presse e Grand Prix Palatine de romance histórico), entre outros.

Ler mais

Informações Gerais

  • Título:

    MATEM E DEVOREM!

  • Título Original:
    MANGEZ-LE SI VOUS VOULEZ
  • Catálogo:
    Outros Formatos
  • Gênero:
    Romance
  • Cód.Barras:
    9788525429117
  • ISBN:
    978-85-254-2911-7
  • Páginas:
    144
  • Edição:
    março de 2014

Vida & Obra

Jean Teulé

Jean Teulé nasceu em Saint-Lô, na França, em 1953. É autor de catorze romances, inúmeros álbuns de HQs, além de ter trabalhado na indústria cinematográfica e na televisão. Entre seus livros se destacam os biográficos Rainbow pour Rimbaud (1991), Ô Verlaine! (2004) e Je, François Villon (2006, Prix du Récit Biographique), o romance de humor negro A loja dos  suicidas (Ediouro, 2010, adaptado para o cinema), Le Montespan (2008, Prix Maison de ...

Ler mais

Opinião do Leitor

Seja o primeiro a opinar sobre este livro

Você também pode gostar