Coleção L&PM Pocket


TURMA DO PENADINHO: ALGUÉM VIU UMA ASSOMBRAÇÃO? - Mauricio de Sousa

TURMA DO PENADINHO: ALGUÉM VIU UMA ASSOMBRAÇÃO?

É meia-noite, o cemitério está vazio, somente as almas penadas circulam pelos túmulos. Macabro? Que nada! Isso é motivo de festa para a Turma do Penadinho. Juntamente com Cranicola, Muminho, Zé Vampir, Frank, Alminha e outros, Penadinho garante momentos de verdadeira diversão, num lugar pra lá de inusitado.

Essa alma do outro mundo, alegre e simpática, estreou nas tiras de jornais em 1963, mas era chamado de Fantasminha e contracenava com o Cebolinha. Com o passar dos anos, ganhou uma turma própria e desde então tem feito do além um lugar para morrer de rir.

Ler mais

Informações Gerais

  • Título:

    TURMA DO PENADINHO: ALGUÉM VIU UMA ASSOMBRAÇÃO?

  • Catálogo:
    Coleção L&PM Pocket
    Coleção L&PM Infantojuvenil
  • Gênero:
    Quadrinhos
    Literatura infantojuvenil Juvenil Infantil
  • Série:
    Quadrinhos
  • Referência:
    1144
  • Cód.Barras:
    9788525430823
  • ISBN:
    978-85-254-3082-3
  • Páginas:
    128
  • Edição:
    fevereiro de 2014

Vida & Obra

Mauricio de Sousa

Mauricio de Sousa nasceu no Brasil, numa pequena cidade do estado de São Paulo, chamada Santa Isabel. Foi em outubro de 1935.

Seu pai era o poeta e barbeiro Antônio Mauricio de Sousa. A mãe, Petronilha Araújo de Sousa, poetisa. Além de Mauricio, o casal teve mais três filhos: Mariza (já falecida), Maura e Marcio.

Com poucos meses, Mauricio foi levado pela família para a vizinha cidade de Mogi das Cruzes, onde passou parte da infância. Outra part...

Ler mais

Opinião do Leitor

Seja o primeiro a opinar sobre este livro

Você também pode gostar


É meia-noite, o cemitério está vazio, somente as almas penadas circulam pelos túmulos. Macabro? Que nada! Isso é motivo de festa para a Turma do Penadinho. Juntamente com Cranicola, Muminho, Zé Vampir, Frank, Alminha e outros, Penadinho garante momentos de verdadeira diversão, num lugar pra lá de inusitado.

Essa alma do outro mundo, alegre e simpática, estreou nas tiras de jornais em 1963, mas era chamado de Fantasminha e contracenava com o Cebolinha. Com o passar dos anos, ganhou uma turma própria e desde então tem feito do além um lugar para morrer de rir.

" />