Outros Formatos


O ÚLTIMO MAGNATA

THE LAST TYCOON

Francis Scott Fitzgerald

Tradução de Carlos Eugênio Marcondes de Moura

Uma obra-prima de Fitzgerald

 “O melhor romance jamais escrito sobre Hollywood.” - Edmund Wilson

Monroe Stahr é um bem-sucedido e carismático produtor de Hollywood, magnata e workaholic. Vive em uma fogueira das vaidades, em meio a cinismo, hipocrisia, promiscuidade e pessoas dispostas a tudo para serem imortalizadas nas telas do cinema. Mas Stahr, este Grande Gatsby da indústria cine­matográfica, não consegue superar a morte de sua esposa, Minna, uma famosa atriz. Até que uma visão o domina: a de uma desconhecida muito parecida com sua falecida mulher. A trágica história de amor do último magnata é contada por Cecilia, filha de um sócio de Stahr, que fora apaixonada por ele quando menina.

Este romance sobre o glamoroso e decadente universo do cinema americano foi o último projeto de F. Scott Fitzgerald (1896-1940), que trabalhara como roteirista em Hollywood durante a década de 30. No entanto, Fitzgerald morreu sem completá-lo e seu amigo, o escritor e crítico Edmund Wilson (1895-1972), compilou e editou suas notas para o término do romance, publicado em 1941 e considerado, sob vários aspectos, o seu trabalho mais maduro.

Ler mais

Informações Gerais

  • Título:

    O ÚLTIMO MAGNATA

  • Título Original:
    THE LAST TYCOON
  • Catálogo:
    Outros Formatos
  • Gênero:
    Literatura estrangeira
  • Série:
    Clássicos Modernos
  • Cód.Barras:
    9788525437945
  • ISBN:
    978.85.254.3794-5
  • Páginas:
    216
  • Edição:
    setembro de 2018

Vida & Obra

Francis Scott Fitzgerald

Francis Scott Fitzgerald nasceu em 24 de setembro de 1896, em uma família classe média de descendência irlandesa e católica, em St. Paul, no estado norte-americano de Minnesota. Cursou a Universidade de Princeton, sem no entanto graduar-se, e lá tornou-se amigo do futuro crítico e escritor Edmund Wilson (1895-1972). Também nesse período passou a conviver com famílias da classe alta, cujo estilo de vida o obcecaria até o final da vida. Foi recrutado pelo exército em 1917, ...

Ler mais

Opinião do Leitor

Seja o primeiro a opinar sobre este livro

Você também pode gostar


Uma obra-prima de Fitzgerald

 “O melhor romance jamais escrito sobre Hollywood.” - Edmund Wilson

Monroe Stahr é um bem-sucedido e carismático produtor de Hollywood, magnata e workaholic. Vive em uma fogueira das vaidades, em meio a cinismo, hipocrisia, promiscuidade e pessoas dispostas a tudo para serem imortalizadas nas telas do cinema. Mas Stahr, este Grande Gatsby da indústria cine­matográfica, não consegue superar a morte de sua esposa, Minna, uma famosa atriz. Até que uma visão o domina: a de uma desconhecida muito parecida com sua falecida mulher. A trágica história de amor do último magnata é contada por Cecilia, filha de um sócio de Stahr, que fora apaixonada por ele quando menina.

Este romance sobre o glamoroso e decadente universo do cinema americano foi o último projeto de F. Scott Fitzgerald (1896-1940), que trabalhara como roteirista em Hollywood durante a década de 30. No entanto, Fitzgerald morreu sem completá-lo e seu amigo, o escritor e crítico Edmund Wilson (1895-1972), compilou e editou suas notas para o término do romance, publicado em 1941 e considerado, sob vários aspectos, o seu trabalho mais maduro.

" />