Coleção L&PM Pocket


SIMPLES ARTE DE MATAR – V.2, A

THE SIMPLE ART OF MURDER

Raymond Chandler

Tradução de Beatriz Viégas-Faria

  O mais puro Raymond Chandler

Além de romancista de primeira grandeza, Raymond Chandler foi um contista talentosíssimo. Foi nos contos que escrevia para revistas pulp, durante a década de 1930, que não só iniciou sua carreira de ficcionista (o primeiro romance, O sono eterno, seria publicado apenas em 1939) como aprendeu a dominar as ferramentas estilísticas e narrativas que fariam dele um dos mais festejados autores de língua inglesa de todos os tempos, além de ícone da literatura policial noir.

Neste volume, estão reunidas quatro narrativas curtas do autor: "Assassino metido a esperto" (1934), "Gás Nevada" (1935), "Armas no Cyrano's" (1936) e "Entrega em Noon Street" (1936). Nelas estão presentes as características que eternizariam Chandler como um dos fundadores da literatura noir: o embate entre personagens com visões de mundo distintas, o ambiente lúgubre e violento, as soberbas descrições, eloqüentes ao mais alto grau, as ambíguas e perturbadoras personagens femininas, os protagonistas a um só tempo cínicos e sentimentais, que antes de mais nada traem uma perplexidade quanto à ordem do mundo e à natureza humana, bem como o total domínio da linguagem.

Leia também A simples arte de matar vol.1, disponível na Coleção L&PM POCKET.

Ler mais

Informações Gerais

  • Título:

    SIMPLES ARTE DE MATAR – V.2, A

  • Título Original:
    THE SIMPLE ART OF MURDER
  • Catálogo:
    Coleção L&PM Pocket
  • Gênero:
    Contos
  • Série:
    Raymond Chandler
  • Referência:
    772
  • Cód.Barras:
    9788525418869
  • ISBN:
    978.85.254.1886-9
  • Páginas:
    240
  • Edição:
    julho de 2009

Vida & Obra

Raymond Chandler

Raymond Chandler foi uma das grandes personalidades da literatura americana do século XX. Pontificou no gênero policial noir, uma vertente, digamos assim, mais intimista e realista do que aquele tipo de literatura de “crime e mistério” que surgiu com Poe, Conan Doyle e Chesterton e que teve seguidores célebres como Agatha Christie, Ruth Rendell, Rex Stout e, de certa forma, Georges Simenon. Chandler e seu mestre Dashiell Hammett desprezavam esta comparação. Seus ro...

Ler mais

Opinião do Leitor

Seja o primeiro a opinar sobre este livro

Você também pode gostar


Além de romancista de primeira grandeza, Raymond Chandler foi um contista talentosíssimo. Foi nos contos que escrevia para revistas pulp, durante a década de 1930, que não só iniciou sua carreira de ficcionista (o primeiro romance, O sono eterno, seria publicado apenas em 1939) como aprendeu a dominar as ferramentas estilísticas e narrativas que fariam dele um dos mais festejados autores de língua inglesa de todos os tempos, além de ícone da literatura policial noir.

Neste volume, estão reunidas quatro narrativas curtas do autor: "Assassino metido a esperto" (1934), "Gás Nevada" (1935), "Armas no Cyrano's" (1936) e "Entrega em Noon Street" (1936). Nelas estão presentes as características que eternizariam Chandler como um dos fundadores da literatura noir: o embate entre personagens com visões de mundo distintas, o ambiente lúgubre e violento, as soberbas descrições, eloqüentes ao mais alto grau, as ambíguas e perturbadoras personagens femininas, os protagonistas a um só tempo cínicos e sentimentais, que antes de mais nada traem uma perplexidade quanto à ordem do mundo e à natureza humana, bem como o total domínio da linguagem.

Leia também A simples arte de matar vol.1, disponível na Coleção L&PM POCKET.

" />